Skip to content

3 exercícios extremamente simples para entrar totalmente no agora

 

Exercícios simples para entrar no agora 1

A mente tem a tendência de nos levar rumo ao passado, nos fazendo reviver memórias, ou ansiando pelo futuro, desejando ou projetando uma realidade que ainda não existe.

Em ambas, o indivíduo sofre. Estar no passado é reviver mágoas, desperta o sentimento de culpa, além de outras gravíssimas disfunções enquanto que a ansiedade, nos trás uma infinidade de distúrbios  como stress, insônia e preocupações.

Exemplos:

  • Quantas vezes seus olhos correram pelas páginas de um livro, mas você não leu nada?
  • Quantas vezes sua mente vagueou livremente por outras histórias enquanto havia, na sua frente, uma pessoa falando com você?
  • Quantas vezes você se alimentou sem sentir o gosto da comida?
  • Não lembrar se fechou a porta antes de sair de casa é uma cena comum pra você?
  • E as noites de insônia quando os pensamentos em em forma de avalanche justamente na hora que você precisaria desliga-los?

Provavelmente todos nós já passamos por essas situações descritas acima: é como se o corpo estivesse ali mas a mente estava bem longe, trabalhando incansavelmente em projeções e frases repetitivas.

“What is the greatest obstacle to experiencing this reality?

Identification with your mind, which causes thought to become compulsive. – Echart Toll, The Power of Now

O problema de remoer o passado é que com as lembranças, vêm as emoções. Faça o teste: procure nas sua memória, uma lembrança que te faz sorrir… Todo o seu corpo, em segundos irá corresponder à essa sensação boa, deixando-o até com um sorriso no rosto.

Nosso cérebro não sabe identificar o que é realidade ou fantasia. Pra ele, tudo é verdade. Então se você pensar constantemente em situações que já se foram, você irá ficar triste, melancólico e consequentemente depressivo. Se pensar todos os dias, repetidamente sobre o medo da incerteza do amanhã, tende a se transformar em ansiedade gravíssima até chegar em uma crise de pânico.

E só quem teve crise de ansiedade e depressão sabe o quanto essas disfunções são enlouquecedoras.

Separei 5 simples exercícios que pratiquei e continuo praticando até hoje. Esses exercícios causam excentente efeitos se fizerem com regularidade.

Vale lembrar que à princípio, é um tanto difícil sair das amarras da mente compulsiva, pois os pensamentos são viciantes.  Mas não desista! se conseguir fazer ao menos o número 1, já é o suficiente 🙂

Abaixo, seguem as soluções que funcionam pra mim e desejo que funcionem pra você também!

São elas:


1) A respiração consciente 

“Descubra o espaço interior criando lacunas no fluxo de pensamento”

Eckhart Tolle

Exercício 1 – Básico (com o gif animado acima)

  • Quando for inspirar, procure prestar atenção na sensação da respiração.
  • Sinta o ar movendo dentro e fora do seu corpo.
  • Note como o peito e o abdomen expandem e contraem levemente, com o ar entrando e saindo.

Exercício 2 – Avançado

  • Inspire devagar (contando até 4)
  • Segure  (contando até 4)
  • Solte devagar (contando até 8)
  • Repetir 3 vezes 

Uma respiração consciente já é o bastante para criar algum espaço onde antes havia uma ininterruptiva sessão de pensamento.

Apenas uma respiração consciente (duas ou três seria melhor ainda), feitas durante o decorrer do dia fortalecem a criação desse espaço de silêncio. Note como fica seus pensamentos nos próximos segundos, ao terminar de respirar.

Respirar já é um mecanismo que seu corpo faz automaticamente, a inteligência do corpo é que faz isso naturalmente. O que acontece quando você respira consciente é que você passa a testemunhar a ação enquanto ela ocorre. Tudo o que você precisa fazer é assistir enquanto ela acontece.

“Estar consciente da sua respiração te força a ficar no momento presente – a chave para toda auto transformação”.

Nota da autora: Sabe quando te falam “conte até 10” pra não explodir? Aproveite o momento e dê uma boa respirada, puxando o ar inflando a barriga e soltando pela boca. Quanto mais respirações conscientes você fizer, mais no agora você estará e poderá responder ao desafio ou à circunstância de modo acertivo.


2) Yoga

Exercícios simples para entrar no agora 2

A Yoga nos faz conectar com o momento presente, com a mãe Terra e a natureza, com nosso corpo, com nosso espírito e com nossa mente, criando assim uma união entre todos os aspectos do eu com a consciência divina.

“Não é nada fácil olhar com verdade para todos os aspectos de nós mesmos, perceber que a mudança que buscamos no mundo precisa começar dentro de nós, em nossos pensamentos, sentimentos, palavras e ações. Sim, Yoga é “difícil “ mas é “difícil” por conta desses questionamentos e não pelos ásanas em si. Pois para os ásanas temos muitas modificações. Mas esses questionamentos.. fazem parte da nossa busca essencial humana…”

Separei 3 poses favoritas e super fáceis de fazer e que exige pouca flexibilidade (ou quase nenhuma)

São elas:

1) Virabhadrasana II – Postura do guerreiro II

Exercícios simples para entrar no agora 3

De todos, esse requer um pouco mais. O Virabhadrasana ou “postura do guerreiro”, é uma postura forte como indica o próprio nome; a sua prática desenvolve firmeza, estabilidade e determinação.

Este asana fortalece as pernas, ajuda no alinhamento da coluna, alivia dores na lombar e ajuda no aumento da capacidade pulmonar através da expansão do tórax.

A permanência neste asana é fundamental para se obter os benefícios associados. Para ficar estável e confortável na posição, característica essencial do asana, é preciso encontrar o alinhamento do corpo.

Como fazer:

  •  Comece sempre com a área do corpo que está em contato com o chão, neste caso, os pés. Eles devem ficar firmes no chão, o peso do corpo deve ser bem distribuído pelos dois pés, bem colados no chão (atenção para manter o dedinho do pé esquerdo sempre no chão);
  • O joelho direito deve ficar fletido, mantendo-o alinhado com o tornozelo;
  • A perna esquerda deve estar bem estendida com a rótula ativa (puxe o joelho para cima);
  • Encaixe o cóccix e alongue a coluna vertebral. Não deixe que o tronco se mova para frente, ele deve se manter na vertical;
  • Contraia o abdômen e alongue os braços, mãos e dedos na altura dos ombros, mantendo os braços alinhados. Encaixe as omoplatas, desça os ombros e abra o peito;
  • Os quadris devem ficar alinhados com os ombros;
  • Mantenha o olhar na mão direita e o queixo paralelo ao chão;
  • Deixe a respiração fluir naturalmente e observe o corpo.
Benefícios:
  • Fortalece e alonga pernas e tornozelos.
  • Alonga as virilhas.
  • Reduz o excesso de gordura à volta das ancas.
  • Estimula os órgãos abdominais.
  • Alivia o desconforto ou dor na região lombar.
  • Melhora a capacidade pulmonar pois promove a expansão do tórax.
  • Aumenta a resistência e trabalha intensamente a estabilidade do corpo.
  • Efeito terapêutico para casos de pé-chato, osteoporose e ciática.
  • Este āsana ensina-nos a usarmos a perna de trás para resistir e suportar a acção da perna da frente, que está flectida.
  • Promove uma firme e indispensável estrutura para posturas mais complexas e exigentes.

Contra-indicações:

  • Evite praticar  esta postura no caso de problemas cardíacos, pressão sanguínea alta, palpitações, azia, diarreia ou disenteria (em alguns casos a postura poderá fazer-se com algumas adaptações).
  • Em  caso de desconforto no pescoço não  gire a cabeça para olhar para a mão da frente. Mantenha a cabeça neutra,  sem girá-la,  com ambos os lados do pescoço alongados.

ATENÇÃO: Consulte o seu médico e professor de Yoga antes de tentar realizar este ou outro āsana. A proposta deste texto é apenas informar o praticante acerca dos benefícios e contra-indicações da postura.

Nota da autora: A postura do guerreiro contribui bastante com o espírito da coragem. Quando ajustar o corpo e se sentir relaxado, feche os olhos e respire consciente 3 vezes. Quanto mais praticado, mais coragem você vai sentir ao lidar com as situações e com as decisões que surgem na vida.

2) Balasana (postura da criança)

Exercícios simples para entrar no agora 4

Como fazer:
  • Sente-se com as nádegas sobre os calcanhares.
  • Inspire e ao expirar leve a testa ao solo, mantendo a coluna vertebral relaxada, descansando sobre as pernas.
  • Braços soltos ao longo do corpo mantendo os ombros relaxados e a face descontraída. Respiração livre.
  • Para retornar, desenrole a coluna lentamente até sentar sobre os calcanhares novamente.
  • A cabeça é sempre a última que retorna.
    É uma postura indicada como contra postura aos movimentos de flexão e extensão.
Benefícios:
  • Essa postura básica do yoga alonga e alivia a região lombar das pressões e más posturas da nossa rotina.
  • Relaxa a toda a coluna vertebral, aumentando os espaços intravertebrais.
  • Acalma o coração, tonifica os pulmões e tranquiliza todo o sistema nervoso central
  • Proporciona uma ação benéfica sobre os orgão da cavidade abdominal, melhorando o funcionamento dos  intestinos.
  • Beneficia ovários, útero e próstata
  • Traz uma sensação de relaxamento e aconchego. Acalma e induz ao sono tranquilo.
  • Prepara o corpo para as invertidas, ja que nessa posição a cabeça está mais baixa que os  quadris( fluxo de sangue  vai para a cabeça)
  • O Balásana também nos ajuda a “entregar” (Isvara Pranidhana).

Contra-indicações:

  • Tenha especial atenção a problemas de joelhos;
  • Se não se consegue sentar nos calcanhares, coloque um bloco para apoiar a cabeça ou feche as mãos uma sobre a outra e apoie nelas a cabeça;
  • Não deve ser executada durante a gravidez.

Nota da autora: O que me faz gostar muito dessa pose é o contato da testa com o chão. Esse toque “íntimo” com a mãe Terra, ajuda na abertura do nosso terceiro olho. Relaxe nessa posição e perceba que sua intuição ficará muito mais aguçada.

3) Savasana (pose do cadáver)

Exercícios simples para entrar no agora 5
Imagem do site www.clearrecoverycenter.com

De longe essa é a minha favorita! 😀 É uma postura de relaxamento, feita usualmente no final de cada aula, deitado de barriga para cima, pernas soltas e braços ao longo do corpo.

Parece ser bastante fácil, mas não é. Algumas pessoas tem a mente tão agitada e cheia de pensamentos do dia a dia que a simples idéia de ficar alguns minutos deitado, sem se mexer, sem falar e sem ouvir nada é atemorizante. Outras pessoas simplesmente gostam desse momento, porque é a hora do descanso.

A Savasana, que significa em sânscrito, postura do cadáver, é uma postura em que a idéia principal é a de que, por breves instantes, o ego deve morrer. É um momento de entrega absoluta, é quando deixamos nossa personalidade de lado.

É nesse momento também que os instrutores de yoga fazem o “escaneamento”, quando o instrutor cita as partes do corpo. Tudo que você precisa fazer é pensar neles, debaixo pra cima:

  • Pés, calcanhares
  • Panturrilhas
  • joelhos
  • coxas
  • órgãos internos
  • coluna
  • ombros, braços, mãos, dedos
  • pescoço
  • cabeça

Apenas pense em cada parte mencionada quando estiver na posição, sempre de baixo pra cima e relaxe.

Benefícios:

  • Acalma a mente e ajuda a reduzir o stress e a depressão;
  • Relaxa o corpo;
  • Reduz dores de cabeça, fadiga e insónias;
  • Ajuda a baixar a pressão arterial.

Contra-indicações:

  • Com lesões nas costas ou desconforto, deve fazer esta posição com os joelhos dobrados e a planta dos pés assente no chão;
  • Em casos de gravidez, levante a cabeça e coloque o peito sobre uma almofada.

Sugestão de site:Conhecendo a Yoga Nidra

Nota da autora: Algumas pessoas chegam a dormir durante o relaxamento, não há problema algum! desde que você relaxe.

3) Dance

Quando estiver muito triste, aborrecido/a ou entediado/a, coloque pra tocar uma música bem animada, de preferência que tenha percussão e que dê vontade de mexer com os quadris (tanto homens quanto mulheres).

Por estarmos constantemente pensando, planejando, ansiando, esquecemos que temos um corpo. Focamos a atenção apenas na mente, nos pensamentos, desejando que fosse diferente e tudo embaixo da cabeça costuma ficar ignorado.

A prova disso é que só lembramos que existe um órgão, osso ou tendões quando ele está em dor.

Então aproveite, liga o som, afaste os móveis e dê umas reboladinhas, ninguém vai estar olhando mesmo! Mas faça com gosto, com vontade, convide a alegria entrar no seu corpo através dos seus ouvidos e mergulhe num astral mais elevado 😀

Abaixo, trecho de O LIVRO ORANGE, de Osho:

A música cria tal harmonia que até mesmo Deus começa a inclinar a cabeça dizendo sim para você. A música é numinosa… de repente, o céu começa a tocá-lo, você é assoberbado pelo além. E quando o além está mais perto de você, quando os passos do além são ouvidos, algo dentro de você aceita o desafio: torna-se silencioso, mais quieto, mais calmo, tranqüilo e recolhido.

Uma das maiores experiências da vida é quando a música o envolve, inunda-o, transborda em você e a meditação começa a crescer em seu interior. Quando a meditação e a música se encontram, Deus e o mundo se encontram, matéria e consciência se encontram. É a “unio mystica” – união mística.

Cantar é divino, uma das atividades mais divinas. Sua única competidora é a dança, é a única que a antecede. E por que cantar e dançar são atividades divinas? – Porque são as atividades nas quais você pode se perder totalmente. Você pode naufragar no canto, a ponto do cantor desaparecer, permanecendo apenas a canção. Ou o dançarino desaparecer, permanecendo apenas a dança. Este é o momento da metamorfose, da transfiguração: quando o cantor não está mais e existe apenas a canção. Quando a sua totalidade transformou-se numa canção ou numa dança, isto é oração.

Exercícios simples para entrar no agora 6
Nota da autora: Tenho a intenção de trazer futuramente uma página de músicas para contribuir com suas práticas meditativas, fique de olho! 😉 

Novidade: Amina Transcendental agora tem facebook!

Não deixe de dar um like, seguir no instagram  ou deixar um recadinho pra eu saber se gostou das dicas 😉

Em breve darei mais dicas para entrar no agora com base no livro “O Poder do Agora” de Echkart Tolle.

Beijos and see you!

Amina Mafer

 

Fontes e créditos:

www.yoga.pro.br/artigos/1128/3026/virabhadrasana-ii-a-postura-do-guerreiro

Ásanas – Posturas psicofísicas do Yoga

www.asementedoyoga.wordpress.com/2013/01/30/savasana-postura-do-cadaver/
www.marcelodalla.com/2011/04/musica-o-canto-e-danca-por-osho.html

Imagens:

Foto garota meditando <a href=”http://www.freepik.com/free-photo/meditating-peace-sun-meditate-wellness_1068236.htm”>Designed by Freepik</a>
Foto Warrior Pose: www.freepik.com/free-photo/girl-showing-her-balance-in-yoga-class_934985.htm”>Designed by Freepik</a>
Imagem silhuetas? <a href=”http://www.freepik.com/free-vector/silhouettes-of-people-dancing_794814.htm”>Designed by Freepik</a>
Mandala <a href=”http://www.freepik.com/free-vector/blue-watercolor-background-with-hand-drawn-mandala_1138224.htm”>Designed by Freepik</a>

4 Comments

  1. Olá Amina,

    Como sempre, este tema é super atual e muito importante nessa fase de Transição Planetária.Parabéns pela abordagem ,com tópicos esclarecedores e muito bem ilustrados.

    Continuemos em nosso caminho de ajudar para que todos possam ter uma nova consciência global, mais humana e lúcida.

    Muitas vibrações positivas da Mônica

    • Amina Mafer Amina Mafer

      Oi Mônica!

      Li o The Power of Now ha dois anos atrás e agora estou relendo e conseguindo ter novos insights 😀

      Obrigada pela mensagem e pelo carinho!

      Super beijo,
      Amina

    • Amina Mafer Amina Mafer

      Obrigada pela visita!

      Já olhei e vou seguir, muito legal o seu blog 🙂

Comments are closed.